Ipatinga   •   

Notícias

SINDIPA e Movimento SOS Ipatinga realizaram mobilização contra a utilização do amianto

24/10/2014

Nos dias 18 e 19/10, o Sindicato dos Metalúrgicos de Ipatinga e Região e o Movimento SOS Ipatinga realizaram, nas feiras da cidade, atividades de conscientização e mobilização contra a utilização do amianto.

Foi montado um estande e realizada uma panfletagem para toda a comunidade. As atividades foram realizadas na feira do Veneza e na feira do Canaã.

O amianto ou asbesto é uma fibra mineral altamente cancerígena que ainda é usada no Brasil apesar de ter sua produção e comercialização proibida em vários países.

A utilização industrial do amianto acarreta risco à saúde e à vida dos trabalhadores envolvidos diretamente no ambiente fabril e à comunidade exposta indiretamente à substância.

Entre as doenças relacionadas ao amianto estão a asbestose (doença crônica pulmonar na qual os sintomas só podem ser aliviados e não curados), cânceres de pulmão e do trato gastrointestinal e o mesotelioma, tumor maligno raro. O mesotelioma é um câncer extremamente letal, que pode levar até 45-50 anos para se manifestar. Esta doença, que tem o amianto como sua causa principal, pode ocorrer mesmo com exposições curtas. Pode atingir inclusive pessoas que têm contato indireto com a fibra como, por exemplo, através da poeira contida nas roupas sujas.

No Brasil, os estudos do adoecimento causado pelo amianto são poucos e isolados, o que prejudica as estatísticas. Segundo a Associação Brasileira dos Expostos ao Amianto (ABREA), isso ocorre devido à enorme pressão exercida pelas empresas que utilizam e se beneficiam do amianto, “o chamado silêncio epidemiológico”. Ainda segundo a ABREA, como as doenças ocasionadas pelo amianto podem levar até 50 anos para se manifestar e o “boom” da utilização do mineral no Brasil foi nos anos 70, “estamos apenas começando a conhecer ‘nossos’ doentes pelo amianto, que se multiplicarão nos próximos anos”.

A USIMINAS, principal empresa da região do Vale do Aço, utiliza o amianto na sua produção industrial, não cumpre as exigências básicas de proteção e sequer declara o uso para o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) como deveria, colocando em risco os trabalhadores e seus familiares.

A atual Diretoria do Sindicato dos Metalúrgicos de Ipatinga e Região (SINDIPA) e o movimento S.O.S Ipatinga estão na luta pela saúde e vida do trabalhador e pelo banimento da utilização dessa fibra assassina. 

Participe você também dessa importante mobilização na região. A luta é de todos nós. 

Se você trabalhou com amianto, ainda tem contato com essa substância no seu trabalho, ou conhece algum companheiro que tenha trabalhado, entre em contato conosco e venha participar dessa importante luta. 

 

 


•  Veja outras informações
SINDIPA - Sindicato dos Metalúrgicos de Ipatinga e Região
Av. Fernando de Noronha, 90 - Bairro Areal - CEP: 35160-350 - Ipatinga / MG
Telefone (31) 3829-6635   /   E-mail: comunicacao@sindipa.org.br