Ipatinga   •   

Notícias

TRABALHADORES NA USIMINAS APROVAM A VOLTA DA TABELA DO TURNO DE REVEZAMENTO POR UM PERÍODO DE DOIS ANOS

01/06/2022

 

A luta continua contra a jornada massacrante e por um turno que garanta as devidas folgas

 

Na assembleia realizada no dia de hoje, a maioria dos trabalhadores na Usiminas aprovou a proposta apresentada pela direção da empresa da volta do turno de revezamento com as tabelas anteriores por um período de dois anos.

O Sindicato sabe que a decisão da categoria é por causa da imposição da Usiminas de enfiar goela abaixo há quase um mês o turno fixo, uma jornada irregular que massacra ainda mais o tempo e a saúde dos trabalhadores.

Os trabalhadores firmes com o Sindicato demostraram por diversas vezes em 2021 e nesse ano sua revolta contra a jornada imposta pela direção da usina que não garante as devidas folgas, e nossa luta continua para garantir uma nova jornada para garantir o devido tempo de descanso, lazer, estudo e tempo com a família.

Veja abaixo o resultado da assembleia:

Decidiram pela proposta 1: 1823

Decidiram pela proposta 2: 103

Decidiram pela rejeição das duas propostas:274

Com a aprovação da proposta 1, a Usiminas deverá voltar com o turno de revezamento mantendo as tabelas anteriores nos próximos dias. Mesmo a duração do Acordo Coletivo sendo por dois anos, vamos seguir com a mobilização pelas devidas folgas e por melhores condições de trabalho.

Sobre o banco de horas: a partir de agora a Usiminas terá que pagar todos as horas extras, acabou a farra de dar calote e exigir a extensão dessa jornada já massacrante.  Horas no banco de horas só se o trabalhador escolher isso e se no prazo de 90 dias essas horas não forem compensadas em folgas, a Usiminas tem que pagar essas horas.

Se algum trabalhador sofrer pressão para fazer horas extras e se tiver pressão das chefias para colocar essas horas no banco de horas, denuncie imediatamente ao SINDIPA.

Sobre o abono no Vale Alimentação: a empresa pagará R$ 4 mil em parcela única no Vale Alimentação e os trabalhadores sabem muito bem que isso não é nenhuma compensação em relação a jornada massacrante imposta pela direção da Usiminas.

Vamos seguir firmes na luta por uma nova jornada, sabemos que os trabalhadores estão firmes com o SINDIPA e é na ampliação da nossa luta que vamos combater as péssimas condições de trabalho impostas pelos patrões.


•  Veja outras informações
SINDIPA - Sindicato dos Metalúrgicos de Ipatinga e Região
Av. Fernando de Noronha, 90 - Bairro Areal - CEP: 35160-350 - Ipatinga / MG
Telefone (31) 3829-6635   /   E-mail: comunicacao@sindipa.org.br